Dois mundos

Minha vida em dois mundos.

Um mundo real e outro imaginário.

Quando o imaginário se torna real.

E o real, imaginário?

 

Eis que surge o dilema.

Porque viver em dois,

Se sou apenas uma?

Medo de rejeição!

 

Porque temo rejeição?

Quem rejeita prejulga coisas,

exclui da vida inteira.

 

Ser aceito é um grande temor.

O meu, ao menos.

Temo ser alguém que desaponte.

Eis que ressurge o dilema.

A quem devo agradar?

A você ou a mim?

 

Sinto muito, caro leitor.

Já sofri por tentar ser

Quem querem que eu seja.

 

Sinto muito, mundo real.

Por hoje eu lhe mostrar

Apenas algumas facetas.

Pois, no mundo imaginário

Eu me desfaço de mim mesma,

Vivo completa e inteira.

DSC04008

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s